sábado, 27 de fevereiro de 2010

OS DOIS AMIGOS E O URSO - TÉCNICA DO ENIGMA


Uma ótima forma para trabalhar com substantivos, numa 5ª ou 6ª série, é a técnica do enigma. Escreva todos os substantivos do texto com um código diferente. A tarefa dos alunos é desvendar, descobrir quais são as palavras que foram "escondidas" através dos símbolos e perceber que são elas que dão nomes às coisas. 
Ao serem desafiados, fica muito mais fácil a assimilação do conceito.
Em seguida, trabalhe o sentido do texto, o vocabulário....


quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO - JOGO DO AUTÓDROMO

Separe os alunos em grupos e peça que desenhem um carrinho, recortando-o em seguida.
Desenhe o seguinte esquema no quadro e, no lugar do desenho dos carrinhos, cole os que foram feitos pelos alunos.

Em seguida, entregue uma folha para cada grupo, com as seguintes questões e peça para que marquem verdadeiro ou falso.

Coloque V para as afirmações verdadeiras e F para as afirmações falsas, considerando as mudanças ortográficas da Língua Portuguesa.
(     ) 1 - Perderam o trema palavras como cinquenta, aguentar e Muller.
(     ) 2 - Os ditongos abertos EI e OI não são mais acentuados. São exemplos disso as palavras "assembleia", "ideia", "geleia", "apoia", heroi", "constroi".
(     ) 3 - As palavras "enjôo" e "abençôo" perderam seus acentos. Agora escrevemos "enjoo" e "abençoo".
(     ) 4 - O acento diferencial continua valendo em PÔDE (pretérito) para diferenciar de PODE (presente).
(     ) 5 - Para (verbo) e para (preposição) não têm mais acento diferencial.
(     ) 6 - Por (verbo) e por (preposição) não têm mais acento diferencial.
(     ) 7 - Antes do acordo, escrevia-se AUTO-AJUDA. Agora, escreve-se AUTOAJUDA.
(     ) 8 - A palavra MICROÔNIBUS está correta grafada dessa maneira.
(     ) 9 - A palavra ANTIINFLAMATÓRIO não contém hífen.
(     ) 10 - Palavras como EX-MARIDO e EX-ALUNO não perderam o hífen.
(     ) 11 - A palavra INFRA-ESTRUTURA está correta.
(     ) 12 - A palavra AUTORRETRATO está correta.
(     ) 13 - AUTOAVALIAÇÃO agora escreve-se dessa forma.
(     ) 14 - A palavra CONTRARREGRA está correta.
(     ) 15 - A palavra PANAMERICANO está correta.

Dê um tempo para que os alunos respondam, na folha, a atividade. Quando todos os grupos estiverem prontos, entregue a um representante do grupo duas plaquinhas (que podem ser feitas de EVA)  uma representando um V e outra, um F.
Comece a fazer a correção. A cada sentença, os alunos que ficaram com as plaquinhas devem levantar simultaneamente a opção escolhida, ao comando da professora. 
Anote, na tabela desenhada no quadro, as respostas dos grupos.
Encerradas  as questões, o grupo cujo carrinho andou mais, será o vencedor.
Esta é uma maneira divertida de fazer com que os alunos gravem e se acostumem às novas regras da Língua Portuguesa. Muito menos maçante do que ficar despejando regras, não acham?!!!
Vale acrescentar que este jogo pode ser adaptado a qualquer conteúdo, basta mudar a folha de questões.



TÉCNICAS PARA O TRABALHO COM SEPARAÇÃO DE SÍLABAS E ACENTUAÇÃO

1 - Nesta confusão de sílabas, existem algumas palavras escondidas. Organize-as de modo que não sobre nem falte nenhuma sílaba e escreva-as no quadro abaixo. Atenção: todas são palavras trissílabas e acentuadas.



LÂM
RE
DA
CA
HIS
HOR
TU
MO
PA
CO
GUÊS
POR
VO
RIA
JA
VEL
ÁR



PROPAROXÍTONAS
PAROXÍTONAS
OXÍTONAS











2 - Forme palavras de modo que a primeira sílaba da nova palavra seja a mesma com que terminou a palavra anterior.


OBS: oriente seus aluno nesta tarefa para que observem atentamente a última sílaba da palavra. A próxima palavra somente poderá começar com aquela sílaba.
Ex:  tapete
               tempestade (incorreto) - os alunos costumam raciocinar desta forma, por isso, é importantíssimo que percebam a diferença entre as sílabas.


       tapete             
               telhado (correto)


Outro exemplo, palavras que terminam com a sílaba -ção (e variações) devem ser as últimas, uma vez que não existem palavras que se iniciem com ç.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Para não "trocar as bolas" - as expressões populares ou idiomáticas

Uma forma divertida e diferente para compreender algumas expressões populares (idiomáticas)  que fazem parte da cultura do país. Trabalhe as expressões com seus alunos, faça-os descobrirem o que significam e, em seguida, trabalhe-as com as imagens aqui sugeridas. Certamente, desta forma, o conteúdo ficará mais leve e fácil de ser assimilado pelo pessoal!!!


Inicialmente, posto algumas sugestões para introduzir o tema e para que os alunos façam a sua própria interpretação literal das frases, eles só precisarão de uma máquina fotográfica e muita criatividade!!!


Amarrar a cara: Fechar a cara e ficar zangado; 
Bafo de onça: Mau hálito; 
Chorar de barriga cheia: Reclamar sem motivo; 
Dar com a língua nos dentes: Contar um segredo; 
Estômago de avestruz: aquele que come qualquer coisa; 
Ficar de olho: Vigiar; 
Lavar as mãos: Não dar mais opinião; 
Molhar o biscoito: Transar 
Pé na jaca: Cometer excessos; 
Quebrar o galho: Improvisar; 
Trocar as bolas: Confundir-se; 



Descubra  a expressão popular à qual se referem as imagens* a seguir: 

*Fotos: Marcelo Zocchio e Everton Ballardin