sexta-feira, 21 de maio de 2010

LEMBRANÇA DE JOÃO ROIZ DE CASTEL'BRANCO - TRABALHO DE LITERATURA - TURMA 221

LEMBRANÇA DE JOÃO ROIZ DE CASTEL'BRANCO

Não os meus olhos, senhora, mas os vossos,
eles são que partem às terras que não sei,
onde memória de mim nunca passou,
onde é escondido meu nome de segredo.

Se de trevas se fazem as distâncias,
e com elas saudades e ausências,
Olhos cegos me fiquem, e não mais
que esperar do regresso a luz que foi.
José Saramago

QUESTÕES
1) O que há de semelhante e diferente entre o texto lido e o texto "Cantiga sua partindo-se"?
2) O tema da partida ou da despedida é recorrente na poesia portuguesa medieval. No século XV, ele se inclui no contexto histórico e social da aventura marítima que deslocou tantos portugueses para terras distantes. Como você interpreta o verso "eles são que partem às terras que não sei..."?
3) Na "Cantiga sua partindo-se", a expressão da tristeza culmina em uma hipérbole (exagero). Qual é, no poema de Saramago, a expressão máxima do desespero do eu-lírico?


Nenhum comentário: