sexta-feira, 21 de maio de 2010

"CANTIGA SUA PARTINDO-SE" - TRABALHO DE LITERATURA - TURMA 222

CANTIGA SUA PARTINDO-SE

Senhora, partem tão tristes
meus olhos por vós, meu bem,
que nunca tão tristes vistes
outros nenhuns por ninguém.


Tão tristes, tão saudosos,
tão doentes da partida,
tão cansados, tão chorosos,
da morte mais desejosos
cem mil vezes que da vida.


Partem tão tristes os tristes,
tão fora d'esperar bem,
que nunca tão tristes vistes
outros nenhuns por ninguém.


João Ruiz de Castelo Branco, "Cancioneiro Geral"


QUESTÕES
1) No Trovadorismo, as cantigas de amor exprimiam um intenso sofrimento pela possibilidade da realização do amor, o homem idealizava a mulher, objeto de sua contemplação distante, a qual ele "prestava" o serviço amoroso. Quais as semelhanças e as diferenças entre a "Cantiga  sua partindo-se" e as cantigas de amor?
2) Quais as semelhanças e as diferenças entre a "Cantiga sua partindo-se" e as cantigas de amigo?
3) O sentimento do homem ao partir é expresso pela repetição insistente de um adjetivo. Que adjetivo é esse?
4) Há um momento em que o autor torna o adjetivo mais expressivo, substantivando-o. Transcreva o verso em que isso ocorre:

Nenhum comentário: